15.12.08

Bush, Bush

Na sua última visita ao Iraque, o futuro ex-presidente dos E.U.A. foi brindado com dois sapatinhos. A prenda ficou prometida para depois. O autor da façanha foi considerado herói no Iraque, mesmo falhando o alvo. As imagens provam que George Bush ainda tem reflexos apurados e um inegável jogo de cintura. Não me admiro que se inscreva brevemente nas aulas de sapateado do Michel. Depois do Tintin, anseio pela estreia da BD que retrate "As aventuras de Bush."

10 comentários:

Zandali disse...

adorei! rs...
ontem, por aqui, só se comentava isso! beijos mil

Romeu disse...

Olá Zandali

Para quem gostaria de atirar um sapato ao Bush, poderá fazê-lo neste link:

http://bushbash.flashgressive.de/

BJS

Anónimo disse...

Pois é, mas no regime do Saddam o mesmo herói não tinha liberdade para o fazer.
E então, em vez de ser alvo de um processo criminal normal, seria abatido a tiro imediatamente.
Como os criminosos islamitas que há dias assassinaram 200 inocentes em Bombaim (Mumbai)
Para estas pequenas coisas vocês nã "adoram".
suprema ironia dos que se esquecem que foi Bush e os americanos que permitiram aquela "façanha" baseada nos manuais escolares "Corão+Kalashnickov".
Só os imbecis não reconhecem esta evidência.
Gozem enquanto é tempo.
Santiaga da Espada

(Romeu, tiveste, de certeza, uma "educação" com alguma estruturação científica.
Puxa pela cabeça antes de alinhares com este tipo de considerandos que transforma o teu blog num sádico exercício de pura demagogia esquerdista que gosta, contudo, dos confortos, bens e serviços do "capitalismo".
Tenham juízo.

Anónimo disse...

Não esquecer também os milhares de curdos que foram gaseados com gás mostarda numa bela manhã de abril pelo maldito Saddam.
Que memória tão curta numa semana em que foi condenado pela morte de 800 mil pessoas no Ruanda um dos ícones da esquerda estúpida e militante que prefere jogos de computador...
Curai-vos!

Anónimo disse...

Pelo aspecto, exterior, a Zandalli está a precisar de ler uns livrinhos sobre "massacres" e tiros em jornalistas como foi o caso de David Pearl barbaramente assassinado no Iraque...depois de vários dias de cativeiro e de ameaças aos filhos nos States.
memórias curtas...
Não volto mais aqui para não ler tanta obscenidade e leviandade.
E são vocês quadros do futuro?

RMVC disse...

Oh Amigo! ou Amiga! Para séria já basta a vida!...Aproveite um pouco e divirta-se...

Gosto de visitar este blog, espero que continue a dar um ar ligeiro à vida!
Afinal o melhor do mundo, para além das crianças, é RIR!!

Romeu disse...

Caríssimo Anónimo

A liberdade de expressão, é aquilo que permite que o meu amigo anónimo venha para aqui politizar uma situação caricata, que foi comentada em centenas de blogs, e eu não o venha censusar por isso.

Apenas lhe recomendo que guarde o seu discurso para 2009 e chegue-se a frente. Pode ser que lhe apareça qualquer coisa no sapatinho.

Bom Natal

Anónimo disse...

boa onda meu.
há-de chegar o dia em que gozarão, caricatamente, com um dos nossos (os portugueses são gozados diariamente em todo o lado) e depois não vamos gostar.
ficaremos melindrados.
é verdade: um dia somos pombos e no outro dia somos estátua.
acontece a todos quando nos cagam em cima!
boas-festas e muitas prendas no sapatinho biqueira larga!
(anedota: em 2125 perguntaram a um preto onde ficava a América. Respondeu: sei, à volta do Harlem.)
na frase «a liberdade de expressão, é» está errado porque entre o sujeiro e o predicado não há vírgulas.
elementar caro romeu

Zandali disse...

caracas, que cara chato! e pior, falou que não ia voltar mais e voltou! deve ser uma dessas pessoas que detestam o natal pq nunca ganhou um presente!!

respondendo ao anónimo (que poderia ter criado pelo mesmo um codinome para não parecer tão anonimo! rs):

sou alienada, sim, com os acontecimentos do oriente médio, pq eles não me atingem. não tenho opinião formada pq eles não me atingem... prefiro cuidar do pequeno mundo ao meu redor! dos meus amigos (aliás, tenho um amigo jornalista que foi para o oriente médio trabalhar, não o censurei e rezo por ele todos os dias, mas não vou sair levantando uma bandeira que não é minha!)

aqui, no brasil, estado de são paulo, onde estou, temos problemas mais próximos e portanto mais emergencias a tratar... então, tudo bem, se vc quer defender algo, só permita que cada um cuide do que lhe é mais próximo, obrigada e um excelente 2009, onde tuas idealizações concretizem-se!

Anónimo disse...

ócê só podia ser crioula. valeu?
e o sem-terra, sem-abrigo, sem-peloo, catador de lixo
não preocupa ócê.
Olha Zandalli, um dia ócê vai checar desgraça vai e depois vai ver que nós não somos o centro do mundo.
isso que você é puro egoísmo.
se cuide.
Valeu?
Falou?
sciao