17.9.06

Sem Sol

Este sábado, duas horas chegaram para que Portugal ficasse sem Sol. O novo jornal esgotou os 128 mil exemplares logo no primeiro número, isto sem oferecer Dvd's nem saias da Floribela! Sempre ouvi dizer..." o Sol quando nasce é para todos". Está visto, a tradição já não é o que era.

2 comentários:

Miguel disse...

Podes crer Romeu!
Fica para a semana!

Bjks da matilde

Cruzeiro disse...

Basta ser novidade para todos querem "cuscar"...eu sou tais para quem o sol não nasceu. :-)